VÍDEO: Nottingham de NES bate Fulham de Marco Silva após grande primeira parte

2 abr, 21:29
Gibbs-White bate Bernd Leno no Nottingham Forest-Fulham (Mike Egerton/PA via AP)

Everton, com três portugueses em ação, empata na visita ao Newcastle (1-1)

No duelo de treinadores portugueses da 31.ª jornada da Premier League, o Nottingham de Nuno Espírito Santo levou a melhor na receção ao Fulham de Marco Silva, vencendo por 3-1, num jogo em que chegou ao intervalo a vencer por 3-0.

Numa grande primeira parte para o Nottingham e para esquecer do Fulham, Hudson-Odoi deu vantagem à equipa da casa aos nove minutos. Aos 19 minutos, foi Chris Wood a marcar, dobrando a vantagem dos comandados de Nuno Espírito Santo.

As coisas estavam longe de correr bem ao Fulham e Marco Silva fez, aos 33 minutos, três substituições (!), tirando Sasa Lukic, Alex Iwobi e Harry Wilson, lançando Tom Cairney, Adama Traoré e Willian.

Porém, em cima do intervalo, surgiria novo golo para o Nottingham, com Gibbs-White a bater o guarda-redes Bernd Leno para o 3-0 (45+3m).

Na segunda parte, o Fulham, com o médio português João Palhinha a titular, reduziu a desvantagem por Tosin Adarabioyo, aos 49 minutos. Palhinha sairia mais tarde, ao minuto 71, num jogo que não teve mais alterações no marcador.

À mesma hora, no outro jogo que iniciou às 19h30, o Everton, com Beto a titular, André Gomes e Chermiti como suplentes utilizados e João Virgínia no banco de suplentes, empatou a um golo na visita ao Newcastle. Um golo de Alexander Isak, aos 15 minutos, deu vantagem ao Newcastle. Já perto do final do jogo, ao minuto 88, Calvert-Lewin fez o 1-1, de penálti.

Quanto às equipas com portugueses na classificação, o Nottingham ganha fôlego na luta pela manutenção, isolando-se à condição no 17.º lugar, com 25 pontos, mais três do que o Luton, 18.º com 22 e menos um jogo realizado (visita o Arsenal na quarta-feira). O Fulham mantém os 39 pontos, no 12.º lugar. Já o Everton soma agora 26 pontos, no 16.º lugar.

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados