Espanha
50'
0 - 0
Itália

Verstappen na Mercedes? «Ninguém é maior do que a equipa», diz Horner

10 mar, 11:56
Christian Horner, chefe de equipa da Red Bull (AP)

Chefe de equipa austríaca aborda rumores que ligam Verstappen à Mercedes e garante que qualquer piloto gostaria de correr pela Red Bull na próxima temporada

Chris Horner abordou pela primeira vez os rumores que têm ligado Max Verstappen a uma possível mudança para a Mercedes. O chefe de equipa da Red Bull admite que todas as equipas querem o neerlandês, tricampeão do mundo.

«Tenho a certeza que todos querem o Verstappen, mas o Toto Wolff (chefe de equipa da Mercedes) também diz que os melhores pilotos querem os melhores carros. Ora, o Max conquistou 56 vitórias e cem pódios na Red Bull, por isso acho que nos temos saído muito bem juntos.»

No entanto, Chris Horner não coloca as «mãos no fogo» por Verstappen e lembra que também Sergio Peréz tem o lugar em risco para 2025, já que o contrato do mexicano termina no fim da temporada. Situação que não preocupa o dirigente britânico, perante a concorrência que existe do lado de fora.

«Não existe ninguém maior que a equipa, temos um lugar livre no próximo ano e dezasseis pilotos estão desesperados para ocupar essa vaga na Red Bull. Ainda assim, o Peréz está na «pole» e é ele que tem de perder essa posição. Quanto ao Max, temos um ótimo relacionamento», esclarece.

Quanto à polémica que envolve Helmut Marko, conselheiro sénior da Red Bull, que está a ser investigado por alegadamente ter divulgado informações sobre o caso de Chris Horner, o britânico desvaloriza todo o processo.

«Helmut faz parte da equipa, o Max faz parte da equipa, eu lídero a equipa. Todos aqui têm um papel fundamental, temos tido muito sucesso e uma grande estabilidade durante um longo período de tempo.»

 

 

Relacionados

Patrocinados