Preços do petróleo estabilizam e bolsas asiáticas também

23 fev, 06:51
Bolsas

Depois do sobressalto de ontem, as bolsas asiáticas também voltaram a terreno positivo nesta quarta-feira

Duas boas notícias dos mercados asiáticos depois da agitação de terça-feira nas negociações globais de ações e combustíveis: os preços do petróleo baixaram no início das negociações desta quarta-feira, e as bolsas asiáticas voltaram a território positivo. Correções que dão conta de que os mercados não estarão muito preocupados com o impacto das sanções internacionais contra a Rússia.

Na terça-feira, os preços do crude atingiram o máximo dos últimos sete anos, e a negociação de futuros do Brent chegou aos 99,5 dólares por barril. Há o receio de que o conflito com a Rússia possa perturbar os fornecimentos a partir deste país, que assegura 11% do abastecimento mundial de energia, tendo posições essenciais no abastecimento de petróleo e de gás natural. 

A correção dos preços ao longo da negociação da manhã de quarta-feira na Ásia indica que o mercado não teme que as sanções já anunciadas contra a Rússia possam perturbar, para já, o abastecimento a partir do terceiro maior produtor mundial. 

A perspetiva de um acordo nuclear entre o Ocidente e o Irão, que nas últimas horas voltou a estar sobre a mesa - e que poderá permitir o regresso em pleno do crude iraniano ao mercado -, também ajudou a os preços para baixo. A meio da manhã em Tóquio o Brent estava nos 96,71 dólares por barril.

As bolsas asiáticas também voltaram a terreno positivo nesta quarta-feira, depois do sobressalto de ontem.

Economia

Mais Economia

Patrocinados