Afeganistão: explosão numa mesquita em Herat, talibãs confirmam morte de imã

Agência Lusa , MJC
2 set, 11:58
Talibãs celebram retirada de tropas internacionais da cidade de Cabul

A explosão ocorreu na mesquita de Guzargah, uma das maiores em Herat, durante as orações de sexta-feira, e terá provocado várias vítimas

Uma explosão foi registada esta sexta-feira numa mesquita em Herat, no oeste do Afeganistão, matando o líder religioso do local de culto (imã) e provocando várias outras vítimas, segundo o governo talibã e um canal de televisão privado local.

A explosão ocorreu na mesquita de Guzargah, uma das maiores em Herat, durante as orações de sexta-feira (o dia principal da religião muçulmana), altura em que os locais de culto são muito frequentados.

Mujib ur Rahman Ansari, um clérigo proeminente e um dos principais apoiantes dos talibãs, que assumiram o poder no Afeganistão há um ano, foi morto num "ataque brutal na sexta-feira em Herat", disse o porta-voz do governo talibã, Zabihullah Mujahid, numa mensagem publicada na rede social Twitter.

"O Emirado Islâmico [do Afeganistão, designação atribuída pelos talibãs] expressa o seu profundo pesar pela sua morte e os responsáveis por este incidente serão punidos pelos seus atos hediondos", declarou o mesmo porta-voz.

Segundo a estação TOLOnews, o principal canal privado do país, a explosão terá provocado várias vítimas mortais e feridos.

Imagens publicadas nas redes sociais mostram o que parecem ser corpos ensanguentados espalhados à volta da zona da mesquita, segundo descrevem as agências internacionais.

Relacionados

Médio Oriente

Mais Médio Oriente

Patrocinados