244 atropelamentos em 4.034 acidentes no Porto em 2023, revela a PSP

Agência Lusa , MSM
19 abr, 12:21
"A cidade vive em permanente trombose". Porto quer pesados fora da VCI

Os números apenas incluem os acidentes registados pelas autoridades

A Polícia de Segurança Pública (PSP) do Porto registou 244 atropelamentos no concelho em 2023, num total de 4.034 acidentes aos quais foi chamada a intervir, de acordo com dados adiantados à agência Lusa.

Segundo fonte oficial da PSP, no ano passado, no concelho do Porto, dos 4.034 acidentes aos quais a PSP foi chamada (média de 11,05 por dia), 3.517 foram colisões, 273 foram despistes e 244 foram atropelamentos.

Os números adiantados à agência Lusa apenas incluem os acidentes registados pela PSP, sendo o número real superior, já que há acidentes que não necessitam de intervenção desta força de segurança.

Os dados da PSP indicam ainda que, do total de acidentes em que foi chamada a intervir, 309 sucederam na Estrada da Circunvalação e 319 sucederam na Autoestrada 20 (A20), que cobre parte do trajeto da Via de Cintura Interna (VCI).

No total da VCI (que também inclui parte da A28), segundo os dados divulgados aos jornalistas pela Câmara do Porto em março, que remetem para "os acidentes participados pela PSP à ANSR [Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária]”, em 2023 registaram-se 526 acidentes, com dois mortos, um ferido grave e 159 ligeiros.

Em 2022, na VCI, o número de acidentes tinha sido praticamente idêntico (524), mas sem mortos ou feridos graves, tendo o número de feridos ligeiros sido também inferior (144).

Os números dos dois últimos anos são superiores aos de 2021 e 2020: em 2021 houve 482 acidentes que causaram dois mortos e 108 feridos ligeiros, enquanto em 2020 registaram-se 417 acidentes, com um morto e um ferido grave a lamentar, tendo existido 104 feridos ligeiros.

Cerca de 130 mil veículos circularam por dia nos troços da VCI no Porto, quase mais cinco mil do que em 2022, segundo dados do Relatório de Tráfego do Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT), e cálculos da Lusa.

Os números representam um aumento de cerca de cinco mil veículos face a 2022, ano em que a média anual do tráfego médio diário atingiu os 125 mil na VCI no Porto.

No ano passado, o tráfego da VCI no Porto praticamente igualou os números de 2019, ano anterior à pandemia de covid-19, em que circularam cerca de 131 mil veículos por dia.

O relatório do IMT faz um cálculo do tráfego médio diário mensal, fazendo uma média ponderada, tendo a Lusa calculado a média desses valores.

Relacionados

País

Mais País

Mais Lidas

Patrocinados