Vacinação de crianças divide pais

25 nov, 14:04

No dia em que a Agência Europeia do Medicamento aprovou a vacina da Pfizer/BioNTech para crianças com idades entre cinco e 11 anos, há pais que continuam reticentes enquanto outros consideram que é preciso fazer tudo para não comprometer a liberdade e o direito à educação das crianças.

Covid-19

Mais Covid-19