TAP. “A responsabilidade política é inteiramente de António Costa”

29 dez 2022, 01:22

Anselmo Crespo defende que “a responsabilidade política do que está a acontecer na TAP é inteiramente de António Costa”, frisando que, por isso, “não há outro responsável político daquilo que está a acontecer na TAP”.

O comentador da CNN Portugal justifica com o facto de, antes da pandemia, havr “várias opções em cima da mesa e António Costa decidiu que a TAP devia ser pública” e, por isso, acrescenta, “decidiu juntar lá uma amigo seu para gerir a TAP”.

Para Sebastião Bugalho, “fica muito claro que para Pedro Nuno Santos tem noção que se ele sai do governo, ele acha que não deveria sair sozinho. Aí, o Pedro Nuno Santos está a dizer aos portugueses e ao primeiro-ministro que Fernando Medina, que perdeu a sua secretária de Estado, também devia sair”.

Governo

Mais Governo

Patrocinados