Russos tentam forçar Ucrânia para a mesa de negociações. Sete milhões de pessoas sem energia

17 nov, 21:57

No dia em que caiu o primeiro nevão em Kiev, a Rússia intensificou os bombardeamentos às infraestruturas essenciais ucranianas. Nas últimas horas, foram atingidas sobretudo unidades de produção e distribuição de gás.

Europa

Mais Europa

Patrocinados