Nova polémica no Grupo TAP: diretor da Cateringpor contratou 34 cargos de chefia considerados "amigos"

21 jan, 23:05

A TVI/CNN Portugal recolheu testemunhos de atuais e ex-funcionários que denunciam um clima de perseguição na empresa e posterior contratação de amigos. Além disso, foram identificados desperdícios e gastos exagerados na contratação de novos fornecedores numa empresa que está obrigada pelo Estado a conter os custos. A TAP refuta todas as acusações.

Empresas

Mais Empresas

Mais Vistos

Patrocinados