Mais de 260 militares retirados de Azovstal. Ucrânia fala em evacuação, mas a Rússia diz que os soldados se renderam

17 mai, 13:21

Os soldados ucranianos retirados da fábrica Azovstal já começaram a chegar a Novoazovsk, cidade controlada pelos russos. No total, foram retirados 264 militares do complexo industrial localizado em Mariupol, dos quais mais de 50 estavam gravemente feridos.

Enquanto a Ucrânia referiu que tratou de uma operação especial de evacuação que envolveu as forças armadas e serviços secretos do país, bem como o Comité Internacional da Cruz Vermelha e a ONU, o governo russo diz que os soldados ucranianos se renderam.

Europa

Mais Europa

Patrocinados