Ceferin avisa clubes da Superliga: «Ainda vão a tempo de mudar»

20 abr 2021, 11:36
Aleskander Ceferin (AP Photo/Peter Dejong)

Presidente da UEFA afirmou que 12 clubes dissidentes «comenteram um enorme erro»

O presidente da UEFA, Aleksander Cerferin, disse hoje, em mensagem dirigida aos fundadores da Superliga, que «ainda vão a tempo para mudar de opinião», e lançou um apelo específico aos clubes ingleses envolvidos.

«Senhores, cometeram um enorme erro. Alguns dizem que é ganância, outros desdém, arrogância... Mas ainda vão a tempo para mudarem de opinião. Todos cometem erros», disse o presidente da UEFA, na abertura do congresso do organismo do futebol europeu.

Ceferin disse ainda que a garantia de sucesso no passado pode não o ser no futuro, porque «o futebol é dinâmico e imprevisível» e que o «egoísmo está a substituir a solidariedade».

«Esses clubes que pensam que hoje são grandes e intocáveis, deveriam lembrar-se de onde vieram. E compreenderem se são gigantes nos dias de hoje, em parte devem isso à UEFA», considerou o presidente do organismo.

De referir que já ontem o presidente da UEFA anunciou que vai excluir todos os clubes que integrem a Superliga, bem como banir de qualquer participação nas Seleções Nacionais os jogadores que disputem essa competição.

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados