Ndicka não tem qualquer problema cardíaco e vai poder voltar a jogar

23 abr, 18:40
Evan Ndicka colapsa no Udinese-Roma (Andrea Bressanutti/LaPresse via AP)

Defesa deve falhar o reatar do jogo com a Udinese, na quinta-feira, mas já deve ser opção nos duelos frente ao Nápoles e ao Bayer Leverkusen

Ndicka realizou exames complementares ao coração e aos pulmões, que revelaram que o defesa não tem qualquer problema cardíaco.

Desta forma, o defesa vai poder retomar a atividade desportiva nos próximos dias, mas com a monitorização dos médicos.

Assim, é pouco provável que o jogador, de 24 anos, entre em campo no reatar do jogo com a Udinese, que foi interrompido depois de Ndicka ter desfalecido no relvado.

O central francês deve, então, regressar às opções de De Rossi no encontro com o Nápoles ou com o Bayer Leverkusen, mas sempre a partir do banco de suplentes.

Relacionados

Patrocinados