"Só posso demonstrar com números o que é verdade, e é isso que farei". Ana Jorge nega acusações da ministra sobre "inação" e "benefício próprio" na Santa Casa

8 mai, 11:31

Ana Jorge reagiu esta quarta-feira às acusações que a ministra do Trabalho lhe dirigiu em entrevista à RTP. A provedora exonerada da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa recusa ter retirado benefício próprio na instituição e mostra-se perplexa com as acusações de inação.

Na terça-feira, a ministra do Trabalho e de Segurança Social acusou a Mesa e a provedora da Santa Casa de se terem beneficiado “a si próprios, em detrimento “de todas as pessoas que estão na operação”, muitas delas a receber perto do salário mínimo. "Não há aumentos há anos, só as atualizações que não dependem de nós", sublinha.

País

Mais País

Mais Vistos

Patrocinados