Padre terá abusado de menores durante décadas na Igreja de Joane. Diocese lamenta falta de eficácia no acompanhamento das vítimas

1 out, 20:53

Há outro caso a ensombrar a Igreja Católica portuguesa. Durante décadas, um padre terá abusado de crianças na igreja de Joane, em Famalicão. 

As denúncias chegaram à hierarquia da igreja em Braga há anos, mas o caso foi abafado. Na vila de Joane, a TVI/CNN Portugal localizou vítimas que contaram os abusos que sofreram quando estavam com o padre na confissão.

Em comunicado, a Diocese de Braga afirma que criou, em janeiro de 2022, uma Comissão de Investigação Prévia e que em maio deste ano, o atual Arcebispo de Braga enviou todos os elementos recolhidos para o Dicastério para a Doutrina da Fé.

A Diocese afirma, no entanto, que não conseguiu "ser mais célere" no tratamento dos casos e "mais eficazes no acompanhamento das vítimas", sublinhando também que foram confrontados com o elevado número de relatos avançados pela comunicação social.

País

Mais País

Patrocinados