O caso das alheiras contaminadas. Chef distinguido pelo guia Michelin julgado por corrupção de substâncias alimentares

21 set, 14:55

O caso de pessoas contaminadas com botulismo associado ao consumo de alheiras chegou a julgamento sete anos depois dos acontecimentos. A doença afeta a comunicação entre os nervos e levou a que quatro pessoas tivessem sido hospitalizadas.  

O chef de cozinha Luís Portugal começou a ser julgado no tribunal de Bragança por vários crimes, quatro de corrupção de substâncias alimentares, agravados pelo resultado. A investigação concluiu que a empresa que vendia os enchidos não respeitava várias regras alimentares, o que terá originado a propagação da bactéria maligna.

País

Mais País

Patrocinados