Mísseis hipersónicos "comprometem a geração 'de força' e evitam a regeneração de potencial de combate ucraniano"

1 abr, 20:40

O coronel Carlos Mendes Dias, comentador da CNN Portugal, afirma que a Rússia "tem feito ganhos posicionais importantes" ao longo da linha da frente e que Ucrânia "se vai ressentir" da falta de armamento.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados