Medidas do Governo: senhorios "não aceitam ser privados da atualização" do valor das rendas

Jornalista de Economia
6 set, 20:11

Se para o crédito à habitação não há apoios previstos, o travão de 2% para o aumento das rendas, imposto pelo governo, é uma medida polémica. Afeta os senhorios, que só deverão ser ressarcidos um ano depois, quando acertarem contas com o fisco. E ainda porque em 2024, quando for feita nova atualização, esta vai incidir sobre um valor mais baixo do que o devido, o que de resto é um problema semelhante ao que acontece nas pensões.

Imobiliário

Mais Imobiliário

Patrocinados