Macron: "A paz não pode ser a consagração da lei do mais forte"

24 out, 16:46

Emmanuel Macron acredita que é possível haver paz na Ucrânia. 

Presente numa conferência em Roma, o presidente francês diz ainda que não pode ser a lei do mais forte a dominar os acontecimentos. 

Europa

Mais Europa

Patrocinados