Lula da Silva desvaloriza grupo que premeditou invasão em Brasília: "Não foi golpe de Estado"

11 jan, 23:04

Brasília volta a estar sob alerta, depois de novas manifestações pró-Bolsonaro têm sido convocadas. O governo brasileiro admite mesmo accionar o exército para reforçar a segurança.  

Entretanto, Lula da Silva falou novamente sobre os acontecimentos de domingo e afirmou que não os considera uma tentativa de golpe de Estado, mas lamentou que Jair Bolsonaro e os seus apoiantes não reconheçam a derrota. 

Brasil

Mais Brasil

Mais Vistos

Patrocinados