Guerra nuclear? "Ainda não". A análise do coronel Mendes Dias

21 set, 18:13

O coronel Mendes Dias esteve no Jornal da Uma para comentar a situação da guerra, nomeadamente o discurso proferido pelo presidente russo esta manhã, considerando que a escalada para o conflito nuclear não deve acontecer. Ainda assim, não deixa de destacar a gravidade da ameaça nuclear. No que diz respeito à mobilização realça que essa medida só revela a perda de força militar russa na Ucrânia.  

O especialista militar analisa também a questão dos referendos que, caso sejam bem-sucedidos, “legitimam a legítima defesa” consagrada não só pela doutrina russa, como pelas leis internacionais, estipulada na Carta das Nações Unidas. Já em caso de ataque a território russo, a defesa está prevista na lei.

Europa

Mais Europa

Patrocinados