Fogos no Chile já mataram 131 pessoas. Cientistas apontam o dedo às alterações climáticas

7 fev, 16:11

As alterações climáticas e o fenómeno El Niño são apontados como responsáveis pela violência dos incêndios que mataram mais de 130 pessoas no Chile. Os cientistas dizem que este tipo de fogos devastadores são impossíveis de travar.

Mundo

Mais Mundo

Mais Vistos

Patrocinados