"Fernando Medina conseguiu que Portugal fosse hoje um país de contas certas", defende Adalberto Campos Fernandes

7 nov, 23:00

"Neste momento tão difícil era importante que o Partido Socialista não perdesse o espaço que lhe tem permitido ser um partido de referência na democracia portuguesa, falo do terreno da moderação, do espaço que congrega toda a área democrática", afirma o socialista Adalberto Campo Fernandes, que defende que o partido não se deve radicalizar à esquerda mas deve manter-se naquela que tem sido a sua tradição histórica. 

Quem pode liderar o partido nesse caminho? Seria Fernando Medina um bom candidato? "Eventualmente, se ele o quisesse, seria um bom candidato, mas há muitos outros", responde Campos Fernandes. Na sua opinião, Medina foi o responsável por fazer com que Portugal seja "um país de contas certas, que consegue o equilíbrio orçamental".

Comentadores

Mais Comentadores

Mais Vistos

Patrocinados