"Desova". Como o circuito das barrigas de aluguer opera em Portugal (onde a prática ainda é proibida)

Jornalista desde 2013, debruçando-se sobre as áreas da Política, Economia e Cultura. Passou pelas redações do Negócios, RTP e Açoriano Oriental. É formado em Ciências da Comunicação e Curadoria de Arte.
15 nov, 21:30

Há barrigas de aluguer a terem os filhos de estrangeiros em Portugal, sendo o país encarado como um local de "desova". Uma clínica ucraniana promove um pacote para nascer em Portugal por 60 mil a 80 mil euros. Tudo isto num país onde as famílias não podem aceder a este procedimento porque o Governo está há vários meses para definir as regras

Uma reportagem de Wilson Ledo; com imagem de David Félix, Carlos Rodrigues, Nuno Gomes Lopes, Daniel Driga e Nuno Lourenço Bayer; edição de Nelson Costa e grafismo de Matilde Candeias.

Saúde

Mais Saúde

Patrocinados