Da confeção de fardas à reconstrução de escolas, Gomes Cravinho esteve com Zelensky e não faltaram promessas de apoios

24 ago, 23:16

O ministro dos Negócios Estrangeiros, João Gomes Cravinho, esteve esta quarta-feira em Kiev e Irpin, um dia simbólico para os ucranianos: são os 31 anos da independência da Ucrânia, que há seis meses resiste à ameaça do invasor russo.

O encontro com o homólogo ucraniano já estava planeado, mas o ministro português esteve também com Volodymyr Zelenky, tendo reforçado que “as manifestações de apoio” são para “continuar” e que Portugal continuará a ajudar os ucranianos, seja na confeção de fardas ou na reconstrução de escolas.

Europa

Mais Europa

Patrocinados