Burlas no SEF: Ministério Público investiga agendamentos na internet

Jornalista da editoria de Sociedade. Acompanha as áreas de Justiça e Administração Interna.
10 nov, 14:26

Caso foi revelado pela TVI (do mesmo grupo da CNN Portugal), numa reportagem que mostrava que há agendamentos a ser vendidos na Internet por não existir resposta nas linhas telefónicas do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras

País

Mais País

Patrocinados