Apresentava-se como Paulo Jorge e dizia que era funcionário do banco. As burlas a idosos rendiam-lhe 32 mil euros por mês

30 mai, 15:11

Foi detido um homem que se fazia passar por um bancário para burlar idosos que lhe entregavam o cartão de multibanco e os códigos de acesso. As burlas rendiam-lhe 32 mil euros por mês. O falso bancário está agora em prisão preventiva.

País

Mais País

Patrocinados