Provedor da Santa Casa: "Isto não pode ser um cargo para carreira política"

1 mai, 22:35

O comentador da CNN Portugal, Miguel Relvas analisa a exoneração da provedora e de toda a equipa de gestão da Santa Casa da Misericórdia que abandonam os cargos perante críticas de de "inação" e "incapacidade" feitas pelo novo Governo. Relvas, antigo secretário de Estado da Administração Local de Portugal, considera que os factos em investigação ocorreram com o aval tanto da ministra Ana Mendes Godinho, como até de António Costa.

Comentadores

Mais Comentadores

Mais Vistos

Patrocinados