António Marçal contra adiamento das férias judiciais

3 jan, 09:42

António Marçal, do Sindicato dos Funcionários Judiciais, abordou durante a manhã desta segunda-feira o tema do adiamento das férias judiciais.

"Não concordo. Há uma questão fundamental: os tribunais não estão encerrados neste período, estão a haver diligências. Portanto, esta ideia que os tribunais estão fechados e que houve férias, não é verdade", explicou António Marçal.

Em entrevista à CNN Portugal, António Marçal apelou, assim, ao "bom senso na marcação das diligências, boa limpeza de espaços e que não haja uma excessiva convocação de pessoas".

País

Mais País

Patrocinados