«Alex Telles na seleção? Os que já foram chamados estão mais perto»

2 fev 2019, 19:40
Alex Telles (Lusa)

Adjunto de Tite diz também que Éder Militão na seleção brasileira será central

Cléber Xavier, adjunto de Tite na seleção brasileira, esteve no Porto para ver o jogo da formação azul e branca com o Belenenses, tendo no final falado com o Esporte Interativo, do Brasil.

Antes de mais, falou sobre Alex Telles. O lateral esquerdo tem sido muitas vezes colocado na órbita da seleção, mas a verdade é que até agora ainda não foi chamado e não está previsto que o seja.

«Alex Telles? Não prometemos nada. Ainda não foi chamado e os que já o foram estão mais perto [de voltar a sê-lo]. Temos três jogadores que lutam pela posição, que são o Marcelo, o Filipe Luís e o Alex Sandro. Depois ainda há o Ismaily, que chamámos em vésperas do Mundial», lembrou.

«Mas não decidimos nada com antecipação. Digamos que estes nomes são os cinco melhores laterais-esquerdos do Brasil.»

Já em relação a Éder Militão, o adjunto de Tite garantiu que vai continuar a entrar nas contas da seleção, mas como central. Nesta altura, no FC Porto, tem sido lateral direito, mas o Brasil prefere tê-lo como central.

«Nos procuramos o Militão mas como central. É um menino ainda, precisa de futuramente de uma renovação. Tem sido observado como lateral e como central, esteve bem como lateral, mas para essa posição temos o Dani Alves, o Danilo e o Fagner», frisou.

«O Militão frente ao Belenenses fez um bom jogo, fez um golaço, é muito forte no jogo aéreo, mas ele na essência é um central, foi essa posição que ocupou na formação enquanto jogador.»

Seleção

Mais Seleção

Mais Lidas

Patrocinados