Violência doméstica: tribunal deixa cair medidas de coação e obriga vítima a entregar a filha quinzenalmente

17 dez 2022, 20:50

O Tribunal de Coimbra deixou extinguir as medidas de coação a um arguido indiciado por violência doméstica, que tinha sido detido em flagrante, e ainda obrigou a vítima a entregar a filha ao agressor, de quinze em quinze dias.

As imagens a que a TVI/CNN Portugal teve acesso não deixam margem para dúvidas sobre a veracidade das agressões, mas, apesar das evidências, o ex-marido de Bárbara Torres aguarda a leitura da sentença sem pulseira eletrónica e continua a estar regularmente com a filha menor, de quatro anos, que assistiu a todo o quadro de violência. 

País

Mais País

Patrocinados