TAP: "Dramatização" de Pedro Nuno Santos parece anteceder "um plano mais duro"

15 dez 2021, 22:26

O ministro das Infraestruturas disse, na terça-feira, que "se plano [da TAP] não for aprovado a companhia vai fechar".

Pedro Santos Guerreiro interpreta esta afirmação de Pedro Nuno Santos como uma antecipação de uma reestruturação mais profunda na companhia aérea.

O diretor executivo da CNN Portugal considera ainda que esta frase tinha o propósito de preparar a empresa para a necessidade de mais cortes, quer no número de aviões, quer em termos de pessoal. 

Empresas

Mais Empresas

Patrocinados