Portugal está nos "hot spots das alterações climáticas". Ondas de calor serão cada vez "mais frequentes e mais intensas"

15 jul, 10:48

"O que é preocupante é que de facto estas situações com ondas de calor já há muito tempo que os climatologistas alertavam", diz o climatologista Carlos da Câmara, explicando que a Europa mediterrânica faz parte daquilo que os especialistas chamam "hot spots das alterações climáticas" -  áreas do globo particularmente sensíveis às alterações de forçamento energético e forçamento radiativo, que estão ligadas à atividade humana. "Percebemos que ondas de calor como estas vão ser mais frequentes e mais intensas".

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados