“Os partidos deixaram de falar para dentro” - como os indecisos mudaram o discurso durante a campanha

Doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho, é um politólogo que acompanha a atualidade nacional
3 mar, 10:56

João Pacheco defende que, a uma semana de os portugueses irem a votos, “temos finalmente duas grandes questões”: a primeira, diz, prende-se com o facto de os partidos estarem agora “falar para os indecisos como prioridade” e a segunda diz respeito ao facto de o Bloco de Esquerda e o PCP estarem a “descolar-se” do Partido Socialista, de “fazerem confronto” ao PS.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados