Obras de arte destruídas, fezes e sangue nos edifícios. Detidas pelo menos 1.200 pessoas após ataque à democracia brasileira

9 jan, 21:37

Um dia depois da invasão do Palácio do Planalto, a justiça brasileira disse que os ataque não vão ficar impunes. Pelo menos 1.500 pessoas foram detidas nas últimas horas.

Na Flórida, onde se encontra de férias, Jair Bolsonaro foi hospitalizado.

Brasil

Mais Brasil

Mais Vistos

Patrocinados