Nagorno-Karabakh: "Este pode não ser o último conflito no sul do Cáucaso. O Azerbaijão continua a ocupar território na Arménia"

30 set, 16:05

Depois de o governo de Nagorno-Karabak, enclave arménio, ter anunciado que deixará de existir enquanto república separatista a partir de 1 de janeiro de 2024, perante a campanha do Azerbaijão para reintegrar o território, o investigador Maximilam Hess deixa um alerta: este poderá não ser o último conflito no Cáucaso. 

Em entrevista na CNN Portugal, Maximilian Hess declara que a própria Arménia pode ser o próximo alvo de Bacu, legitimado perante a perspetiva europeia de que o Azerbaijão pode ser fornecedor alternativo de gás para diminuir a dependência da Rússia, após a invasão da Ucrânia.

Ásia

Mais Ásia

Mais Vistos

Patrocinados