"Luís Montenegro e Pedro Nuno Santos não se conseguiram definir como futuros primeiros-ministros do país

12 mar, 00:02

Luis Paixão Martins faz o rescaldo da noite eleitoral. E começa por dizer que "Luís Montenegro e Pedro Nuno Santos não se conseguiram definir como futuros primeiros-ministros do país". "Os dados confirmam isso", diz. E explica: "António Costa foi primeiro-ministro durante muitos anos e tinha um perfil institucional que era difícil que o potenciais sucessores dele tivessem". Mas foi esse perfil, defende, que em 2022 fez com que o PS ganhasse novos eleitores: "Esses eleitores apareceram para votar não no Partido Socialistas mas em António Costa. E esses eleitores agora desapareceram. Não se identificaram nem com Luís Montenegro nem com Pedro Nuno Santos. Sendo um pouco irónico, diria que são os viúvos e as viúvas de António Costa."
 

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados