Lembra-se de Frederico? Aos 24 anos, um AVC deixou-o entre a vida e a morte. Hoje, leva "uma vida totalmente autónoma"

Jornalista
29 out, 14:53

Este sábado assinala-se o Dia Mundial do AVC, a principal causa de morto e incapacidade em Portugal, mas a urgência de deteção e a rapidez na reabilitação ditam o desfecho de cada história.

Esta é a história de Frederico que aos 24 anos esteve entre a vida e a morte.

Saúde

Mais Saúde

Patrocinados