"Excesso de velocidade é um motivo de sinistralidade muito significativo"

16 jan, 07:58

O comissário da PSP, Tiago Jacinto, explica que o objetivo da campanha é alertar para os riscos do excesso de velocidade.

Tiago Jacinto explica que, no caso de um atropelamento, se o condutor circular a 30 quilómetros por hora, a probabilidade de o peão vir a morrer é de 10 por cento. Mas, se a velocidade aumentar para os 50 quilómetros por hora, a probabilidade de morte sobe para os 80 por cento.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados