Estado de emergência "completamente fora da mesa" para o PAN

23 nov, 16:51

A porta-voz do PAN, Inês de Sousa Real, afirmou também que as prioridades do partido se centram no acesso universal aos testes, reforço dos transportes públicos e a antecipação do direito de voto nas eleições legislativas, marcadas para 30 de janeiro.

Sousa Real elencou que a prevenção se faz reforçando os meios, a testagem e o rastreamento”, o que não acontecerá “sem profissionais e sem a adaptação de escolas, transportes e serviços públicos".

Para o PAN, a manutenção do uso da máscara é importante, “sobretudo em espaços públicos”. O partido defende, igualmente, que as medidas para as escolas “devem ser solucionadas por meios não-farmacológicos”, dada a inexistência de dados científicos sobre o impacto da vacinação nos menores de 12 anos.

Partidos

Mais Partidos