Enviados especiais da TVI/CNN foram "surpreendidos" por granadas "disparadas pela parte russa"

20 nov, 14:40

Sérgio Furtado o enviado especial da TVI/CNN Portugal à Ucrânia encontra-se em Kherson e esteve, este domingo, debaixo de fogo cruzado.

A cidade tem sido alvo de ataques quase todos os dias, principalmente a zona mais próxima do rio Dnipro, que é neste momento a linha da frente.

Sérgio Furtado explicou o que viveu esta manhã, em Kherson: "Quando fazíamos uma reportagem de um ataque que aconteceu na ultima noite e que destruiu um prédio, fomos surpreendidos pelos rebentamentos das granadas disparadas pela parte russa".

Europa

Mais Europa

Patrocinados