Didier Caramalho: "A polícia não estava à espera desta manifestação"

23 dez 2022, 18:33

O jornalista da Rádio Alfa, Didier Caramalho, considera que o tiroteio em Paris foi a gota de água para a comunidade curda, que quer acabar com o estereótipo de "terrorista".

Acrescenta ainda que a manifestação marcada para sábado deverá ser tensa, e considera que a polícia parisiense foi surpreendida pelos protestos desta tarde.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados