"Continuamos sem uma resposta do primeiro-ministro e do ministro da Administração Interna": forças de segurança mantêm protestos

Jornalista de Economia
6 fev, 17:17

Os sindicatos da polícia dizem que o Governo, mesmo em gestão, pode resolver a desigualdade de remunerações que criou entre as forças de segurança. Quanto às baixas médicas entregues por dezenas de agentes, nomeadamente do aeroporto de Lisboa, aguardam pelas averiguações que já estão em curso.

País

Mais País

Mais Vistos

Patrocinados