Caso Eva Kaili: Gomes Cravinho admite “grande preocupação” com as notícias que “põem em causa as instituições”

12 dez 2022, 18:53

O ministro dos Negócios Estrangeiros, João Gomes Cravinho, admite que foi com “grande preocupação” que ficou a par do caso que envolve a vice-presidente do Parlamento Europeu.

Eva Kaili foi detida em Bruxelas por suspeitas de corrupção que envolvem o Catar. Comunicação social grega adianta que outros 150 mil euros foram encontrados em malas numa busca à casa da suspeita.

Europa

Mais Europa

Patrocinados