Abuso de menores. "A Igreja tem estado a viver um tempo penoso", afirma D. José Ornelas

8 nov, 14:27

O presidente da Conferência Episcopal Portuguesa reconhece que a igreja católica tem estado a viver um tempo penoso, devido aos casos dos abusos de menores por parte de alguns elementos do clero.

No entanto, considera que a dor deste processo é um caminho necessário de identificação de males que existiram e continuam presentes.

País

Mais País

Patrocinados