Em atualização

GUERRA AO MINUTO | Ataque ucraniano em Kherson faz dois mortos

Todas as informações mais recentes sobre o conflito na Ucrânia, que começou a 24 de fevereiro de 2022
2024-04-12

O que está a acontecer

2024-02-02
14:27

Drones ucranianos afundam corveta russa no Mar Negro

A Ucrânia afundou mais um navio de guerra russo perto da Crimeia, no Mar Negro. Trata-se da corveta Ivanovets, um dos navios de lançamento de mísseis utilizados para fazer disparos para a Ucrânia.

O ataque foi efetuado pelos serviços secretos ucranianos, com recurso a pequenas embarcações não tripuladas e controladas à distância.

Fontes russas já confirmaram que o navio foi afundado.

Siga ao minuto:

2024-04-14
11:01

Ataque ucraniano em Kherson faz dois mortos

Duas pessoas morreram na sequência de ataques ucranianos em Kherson, anuncia um funcionário da administração russa no local, segundo a Reuters.

2024-04-14
08:35

Rússia diz ter destruído 15 drones ucranianos na região de Krasnodar

O ministério da Defesa russo alegou que as suas defesas antiaéreas destruíram mais de 15 drones ucranianos na região de Krasnodar, no sul da Rússia. Cinco destas aeronaves terão sido destruídas enquanto atravessavam o Mar Negro.

2024-04-13
20:38

Há empresas ocidentais a fazerem dinheiro com a reconstrução da "nova Mariupol" de Putin

Empresas têm fortes ligações à Rússia mas têm escapado às sanções da Comissão Europeia
Leia mais aqui
2024-04-13
19:44

Tropas ucranianas bombardeiam a região de Kherson, registando uma vítima mortal

As forças armadas ucranianas lançaram um bombardeamento sobre áreas residenciais em Aleshki, na região de Kherson, provocando uma vítima e três feridos, noticia a Ria Novosti.

O governador Vladimir Saldo confirmou a situação, afirmando que o bombardeamento causou a morte de um indivíduo, enquanto três outros ficaram feridos por estilhaços e estão atualmente a receber cuidados médicos no hospital. 

2024-04-13
18:36

Zelensky assegura a transferência de mísseis para os sistemas de defesa aérea da Ucrânia após conversações com Scholz

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, anunciou este sábado que, na sequência de uma conversa "produtiva" com o Chanceler alemão Olaf Scholz, a Alemanha concordou em transferir urgentemente um sistema de defesa aérea Patriot e os mísseis que o acompanham para reforçar as capacidades de defesa aérea da Ucrânia.

Zelenskyy agradeceu o apoio da Alemanha neste momento crítico e apelou aos líderes de outros países parceiros para que sigam o exemplo. Além disso, informou Scholz sobre a situação energética nas regiões afectadas, a situação operacional no campo de batalha e as necessidades de defesa da Ucrânia.

2024-04-13
17:22

Inundações nas aldeias de Kurgan: Cerca de 18.718 pessoas podem ser afetada, alertam as autoridades

A situação agrava-se na região de Kurgan, onde as águas começaram a invadir as ruas de várias aldeias do distrito de Pritobolny, noticia a Ria Novosti. 

As aldeias de Mezhbornoe, Utyatskoye e Nagorskoye estão entre as áreas afetadas, com a água a aproximar-se da vila de Plotnikovo. A administração municipal emitiu um comunicado urgente, instruindo os moradores a evacuar imediatamente.

As autoridades alertam que 62 assentamentos, 4.300 casas, 5.550 lotes residenciais e 600 chalés de verão correm o risco de serem inundados. Cerca de 18.718 pessoas podem ser afetadas por esta crise.

Até o momento, mais de 269 edifícios residenciais e 409 lotes residenciais foram inundados, juntamente com uma ponte de águas baixas e sete trechos de estradas. Mais de 7.100 moradores já foram evacuados preventivamente, com 885 pessoas alojadas em centros temporários. O pico da enchente está previsto para os próximos dias. 

2024-04-13
16:53

Lei de mobilização militar é "uma sentença de morte política para Zelensky", diz deputado ucraniano

O Conselho Supremo da Ucrânia adotou uma lei de mobilização militar, mas o deputado Dmitry Razumkov alertou que isso pode ser uma "sentença de morte política para o presidente Zelensky", avança a Ria Novosti. 

O deputado criticou o governo por quebrar o trabalho do comitê de segurança nacional e pediu aos restantes membros do Parlamento que não agissem sob a pressão do governo. Razumkov lembrou propostas, como compensações para famílias de militares falecidos, que foram rejeitadas.

Enquanto isso, o ministério da Defesa planeia uma lei de desmobilização separada. Desde 2022, a Ucrânia está sob lei marcial, com a idade média dos recrutas a atingir os 43 anos.

2024-04-13
15:29

A Alemanha vai enviar munições e um sistema de defesa antiaérea Patriot

A Alemanha anunciou o envio de munições e de um sistema de defesa antiaérea Patriot de forma urgente para a Ucrânia, anunciou o ministério da Defesa alemão.

Estes ataques acontecem numa altura em que a Ucrânia tem sido alvo de fortes bombardeamentos russos, que têm atingido diversas infraestruturas críticas, particularmente da rede energética.

2024-04-13
14:59

Zelensky agradece à Alemanha o envio de um sistema de defesa antiaérea Patriot numa "altura crítica"

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, agradeceu ao chanceler alemão, Olaf Scholz, a entrega de um sistema de defesa antiárea Patriot bem como o envio de mais munições, numa altura crítica para o país.

"Uma conversa produtiva com o chanceler alemão Olaf Scholz. Eu peço a todos os outros líderes de Estados parceiros para seguirem o seu exemplo, afirmou Zelensky no seu canal de Telegram.

Esta é a terceira bateria Patriot enviada pela Alemanha, que, antes da guerra, detinha 12. 

2024-04-13
11:24

Ucranianos devem preparar-se para falta de energia, alerta ministro

O ministro da Energia ucraniano, Herman Halushchenko, alertou os cidadãos ucranianos para estarem preparados para possíveis falhas de energia durante a primavera e no verão, devido ao intensificar dos ataques russos contra as infraestruturas energéticas do país.

Recentemente, a Rússia tem focado muitos dos seus ataques em infraestruturas críticas ucranianas, destruindo várias das principais centrais elétricas, incluindo a central de Trypillia, principal fornecedor de energia das regiões de Kiev, Zhytomyr e Cherkasy.

2024-04-13
10:12

Situação no leste da Ucrânia está a "escalar significativamente", admite Oleksandr Syrski

O comandante supremo das  Forças Armadas Ucranianas, Oleksandr Syrski, admitiu este sábado que as condições na frente leste estão a escalar significativamente, após o aumento aumento da intensidade dos ataques russos, nos últimos dias.

Numa publicação no seu canal de Telegram, o líder das forças armadas ucranianas explica que o exército russo está a aproveitar o tempo seco para lançar sucessivos ataques com grupos de viaturas blindadas na frente de Pokrovsk. O terreno seco permite aos militares russos atacar em áreas abertas, ao contrário dos meses de chuva, que restringem os movimentos de blindados às estradas. 

Syrskyi garante que o exército ucraniano está a trabalhar para estabilizar a situação e infligir o máximo de perdas ao inimigo.

2024-04-13
09:57

Estados Unidos pedem à União Europeia para pressionar apoio chinês à Rússia

Os Estados Unidos da América acreditam que a China está a fornecer componentes cruciais para o esforço de guerra russo e pediram à União Europeia para exercer pressão diplomática e económica a Pequim para que estas vendas parem, avança o Financial Times.

De acordo com documentos classificados dos serviços secretos americanos, várias empresas russas e chinesas estão a trabalhar para produzir drones em conjunto na Rússia.

Cerca de 90% dos chips importados pela Rússia para reequipar carros de combate, aeronaves e mísseis vieram da China, de acordo com a publicação.

2024-04-13
09:06

Serviços de Segurança da Ucrânia travam tentativa de assassinato do governador de Kherson

Os Serviços de Segurança da Ucrânia (SSU) travaram a tentativa de assassinato a Oleksandr Prokudin, governador da região militar de Kherson, avançou o diretor da instituição, Vasyl Maliuk.

De acordo com o líder da SSU, um residente de Kherson foi detido no dia 10 de abril por estar a coordenadar, em conjunto com as autoridades russas, uma tentativa de assassinato contra Oleksandr Prokudin. 

Maliuk adiantou que o suspeito estava encarregue de vigiar a viatura do governador, que ia ser atacada com um drone FPV, assim que o homem transmitisse um sinal aos militares russos.

2024-04-13
08:42

“O sistema [de defesa aérea] está sobrecarregado” - o desabafo de Podolyak

Numa altura em que a Rússia aumenta os ataques a centrais de energia - com “10 a 12 mísseis” de cada vez - Mykhailo Podolyak reconhece fragilidades por parte da Ucrânia. Em entrevista ao Guardian, o conselheiro presidencial diz que “o sistema está sobrecarregado”, referindo-se à defesa aérea ucraniana, aquele que tem vindo a ser apontado como o calcanhar de Aquiles de Kiev nesta guerra e que tem levado várias personalidades do governo e o próprio presidente a apelar por aviões.

“Agora temos de ver se conseguimos manter o sistema a funcionar, se precisamos de mais sistemas de defesa aérea, especialmente contra mísseis balísticos anti-ultrassónicos, e se conseguimos restaurar as instalações destruídas”, disse Podolyak.

2024-04-13
08:37

Rússia produz e lança um novo míssil de cruzeiro subsónico

O Instituto Para o Estudo da Guerra (ISW, na sigla inglesa) revela que a Rússia está a produzir e a usar no terreno um um novo míssil de cruzeiro subsónico ar-superfície, chamado KH-69. Este novo equipamento já foi usado no ataque à central térmica Trypilska, em Kiev. O porta-voz da Força Aérea Ucraniana, Major Ilya Yevlash, descreveu os mísseis KH-69 como uma versão melhorada dos mísseis de cruzeiro KH-59, que as forças russas têm usado frequentemente em ataques.

2024-04-13
08:13

Hackers russos atacam empresa de telecomunicações americana Xfinity

Os grupos de piratas informáticos russos Kalihunt e Cyber Army Russia levaram a cabo um ataque de grande intensidade contra a empresa norte-americana Xfinity, avança o centro de monitorização de ciberameaças VisionWare Threat Intelligence Center.

Ainda de acordo com as informações recolhidas pelo VisionWare Threat Intelligence Center, sabe-se que os pró-russos Lionheart declararam que vão iniciar uma campanha contra Israel, depois de participarem na guerra contra a Ucrânia.

Já o grupo pró-ucraniano Cyber Polk anunciou, no seu canal de Telegram, que acedeu a câmaras de vigilância de entidades russas, como aeroportos, lojas e bares.

2024-04-12
23:13

Zelensky visita soldados ucranianos em tratamento em Chernivtsi

O presidente ucraniano visitou soldados ucranianos que estão a ser tratados em Chernivtsi esta sexta-feira.

“É sempre uma honra encontrar os nossos defensores, falar com eles e entregar-lhes prémios. Agradeço-lhes pelo seu serviço e pela proteção do nosso país”, escreveu Volodymyr Zelensky. O presidente ucraniano condecorou os soldados com a ordem “Pela Coragem” e com as medalhas “Defensor da Pátria” e “Pelo Serviço Militar à Ucrânia”.

“Estou igualmente orgulhoso dos nossos médicos. Estou-lhes grato por recuperarem os nossos soldados que defendem o nosso país. Aprecio o seu esforço”, acrescentou Zelensky, que também condecorou os profissionais de saúde com a ordem Danylo Halytsky e as medalhas "Pelo serviço militar à Ucrânia" e "Por uma vida salva".

2024-04-12
22:35

EUA impedem importação de alumínio, cobre e níquel de origem russa

Os EUA estão a impedir a importação de alumínio, cobre e níquel de origem russa. A informação foi avançada pelo departamento do tesouro norte-americano.

A proibição abrange alguns serviços de aquisição de metais, incluindo a bolsa de metais de Londres e a bolsa mercantil de Chicago, usadas para fins de para adquirir os metais de origem russa.

A Grã-Bretanha juntou-se, entretanto, à decisão norte-americana.

2024-04-12
22:22

Casas submersas e milhares de desalojados: Rússia e Cazaquistão vivem piores cheias dos últimos 80 anos

São já consideradas as piores cheias dos últimos 80 anos. Milhares de pessoas foram retiradas de casa em várias regiões da Rússia e do Cazaquistão. Em Orenburg, na Rússia, o nível do rio Ural continua a subir. O estado de emergência mantém-se em várias cidades.

2024-04-12
22:22

Recusam-se a combater uma "guerra pouco clara" e procuram abrigo no Cazaquistão. Há 26 mil russos nesta situação

Milhares de russos que fugiram às trincheiras da guerra na Ucrânia enfrentam agora processos-crime por deserção. Muitos deles vivem na sombra no Cazaquistão, mas sair para fronteiras mais seguras é um processo longo e sem garantias.