Já fez LIKE no CNN Portugal?

Morte de Jeff Machado: autoridades portuguesas avisadas da fuga do principal suspeito

O produtor de televisão terá passaporte português e existe o receio de que tenha saído do Brasil

Bruno Rodrigues, o principal suspeito pela morte do ator Jeff Machado (na foto), está em fuga, desde sexta-feira, dia 2 de junho, altura em que foi decretada a prisão preventiva dos dois homens acusados pelo crime, que ocorreu em janeiro. O outro suspeito, Jeander Braga, já está detido. Existe o receio de que o produtor de televisão já tenha saído do Brasil, mas a Polícia Federal diz não existir registo de que Bruno Rodrigues tenha usado o passaporte nos últimos dias, escreve O Globo. O advogado da família de Jeff Machado, Jairo Magalhães, mostrou-se preocupado com o facto de terem saído notícias de que Bruno Rodrigues teria passaporte português, por ter dupla nacionalidade. "Fizemos um alerta e mandámos um email para as autoridades portuguesas", disse em entrevista à Metrópoles.

Bruno Rodrigues e Jeander Braga foram acusados de homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Segundo a responsável pela investigação do caso, " a motivação foi exclusivamente financeira". O suspeito terá tentado vender o carro e a casa da vítima por um valor abaixo do mercado.

PUB

Os dois acusados confessaram a ocultação de cadáver, mas, nas declarações que fizeram à polícia, atribuíram o homicídio a um terceiro homem, que disseram chamar-se Marcelo. Uma versão que foi rapidamente descartada pela polícia. O corpo de Jeff Machado foi encontrado, no final de maio, dentro de um baú, que foi enterrado no quintal de uma casa no Rio de Janeiro, que estava arrendada em nome de Bruno Rodrigues. O ator tinha os braços amarrados acima da cabeça e ferimentos no pescoço.