Young Thug detido por associação a gangue. Editora do rapper acusada de ser afiliada dos Bloods

11 mai, 12:48
Young Thug está detido na prisão de condado de Fulton. (Imagem Fulton County Sheriff's Office)

No último ano, o rapper alcançou o primeiro lugar do ranking de álbuns nos Estados Unidos, com Punk. Young Thug é ainda coautor do popular tema This is America, que lhe valeu o Grammy de "Canção do Ano" em 2019

Young Thug, um dos rappers mais influentes dos Estados Unidos, vencedor de um Grammy, foi detido na segunda-feira, na sua casa, em Atlanta, e acusado de participação em atividades criminosas de gangues de rua.

Além do rapper de 30 anos, cujo nome verdadeiro é Jeffery Lamar Williams, foram também indiciados 27 associados da sua editora YSL, entre os quais o também conhecido rapper Gunna, que não foi detido.

Young Thug detido na própria casa em Atlanta, na segunda-feira (Imagem AP)

Young Thug está detido na prisão de condado de Fulton e deve ser presente a juiz a qualquer momento. Está indiciado por participação em “atividades criminosas de gangues” e conspiração para violar a lei federal - Racketeer Influenced and Corrupt Organizations Act (RICO) -, que visa combater o crime organizado.

De acordo com a acusação, os 28 suspeitos “conspiraram para se associarem com propósitos comuns de obter dinheiro e propriedades de modo ilegal através de um padrão de atividades de extorsão”, sendo a editora YSL um meio para esse fim.

Young Thug está detido na prisão de condado de Fulton. (Imagem Fulton County Sheriff's Office)

A procuradora do condado de Fulton, Fani Willis, afirmou, em conferência de imprensa, realizada na terça-feira, que a retirada destes 28 detidos das ruas vai deixar a comunidade mais segura.

"Não importa a notoriedade que tenham, que fama têm. Se alguém vier para o condado de Fulton, Geórgia, cometer crimes, e se esses crimes forem em nome de um gangue, vai ser um alvo deste gabinete", garantiu Fani Willis.

Na acusação de 88 páginas pode ler-se que Young Thug é acusado de ser o fundador do gangue “Young Slime Life” - em português significa algo como "vida jovem na lama" -, que surgiu em Atlanta em 2012 e é um afiliado do conhecido gangue norte-americano Bloods. A sua editora, a YSL, refere-se muitas vezes aos seus artistas como "Slime Family" - família da lama, na tradução literal -, além de a sigla da Young Stoner Life Records (Vida de Jovem Pedrado) ser a mesma do gangue. 

Homicídio e tentativa de assalto à mão armada estão entre os crimes que recaem sobre alguns dos suspeitos.

Brian Steel, advogado de Young Thug, garante que o rapper "não cometeu nenhum crime". (Imagem AP)

“A resposta a qualquer alegação é que o sr. Williams não cometeu nenhum crime e que vamos lutar até à última gota de sangue para inocentá-lo”, garantiu o advogado de Young Thug, Brian Steel, em declarações à afiliada da CNN WSB.

No último ano, o rapper alcançou o primeiro lugar do ranking de álbuns nos Estados Unidos, com Punk. Young Thug é ainda coautor do popular tema This is America, de Donald Glover - conhecido também por Childish Gambino -, que lhe valeu o Grammy de "Canção do Ano" em 2019.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Música

Mais Música

Patrocinados