Um carro de luxo, um punhal e um conjunto de chá. Putin deu presentes a Kim e também recebeu algo em troca

19 jun, 09:53
Vladimir Putin e Kim Jong-un (AP)

Presidência russa confirmou uma "troca de presentes" entre as duas comitivas

É uma das coqueluches do presidente da Rússia, que tem muito orgulho no desenvolvimento de um carro de luxo com tecnologia russa.

Talvez por isso tenha sido um dos presentes que Vladimir Putin levou ao amigo Kim Jong-un, na primeira viagem à Coreia do Norte em 24 anos.

A oferta, um carro que custa cerca de 220 mil euros, nem é a primeira do género. O próprio assessor da presidência russa, Yuri Ushakov, confirmou que este é o segundo automóvel Aurus que Putin entrega a Kim.

O Aurus é um carro de luxo fabricado pela Rússia e que serve como orgulho do país. De resto, o nome é uma aglutinação entre as palavras aurum (latim para ouro) e Rússia.

“Foram trocados presentes. Oferecemos um carro chamado Aurus. É o segundo, não o terceiro, mas o segundo, certamente”, confirmou Ushakov.

Como parte do gesto russo também fizeram parte dois outros presentes que, embora mais pequenos, foram simbólicos: são eles um punhal de um almirante e um conjunto de chá.

Já do outro lado, e sempre segundo Ushakov, foram dados “bons presentes”, ainda que o assessor da presidência russa não tenha entrado em detalhes.

O responsável deixou apenas uma pista de que os presentes estão “conectados com a imagem do presidente” Putin. “Há várias opções para as imagens, todas bem artísticas, incluindo bustos”, terminou.

Relacionados

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados