PJ detém homem de 53 anos por fortes indícios de crimes de violação

Agência Lusa , PP
11 mai, 23:11
Polícia Judiciária

Suspeito terá se aproveitado do facto de as duas vítimas “apresentarem algumas limitações no seu desenvolvimento cognitivo, procurando assim obter o silêncio relativamente aos factos praticados”

Um homem de 53 anos foi detido por fortes indícios da prática dos crimes de violação, no concelho de Loulé (Faro), este ano e em 2023, e vai ficar em prisão preventiva, informou hoje a Polícia Judiciária.

"As agressões sexuais terão ocorrido com duas vítimas, de 17 e 29 anos, em ambiente controlado pelo detido, que havia tido um relacionamento com a mãe de uma delas, em ocasiões em que se encontravam sozinhos", lê-se num comunicado da PJ.

Ainda de acordo com a PJ, o suspeito aproveitou-se do facto de as duas vítimas “apresentarem algumas limitações no seu desenvolvimento cognitivo, procurando assim obter o silêncio relativamente aos factos praticados”.

"O conjunto de diligências realizadas pela diretoria do sul da PJ permitiu a recolha de relevantes elementos probatórios, culminado na detenção do suspeito", acrescenta a PJ.

Após ser presente a primeiro interrogatório judicial, o suspeito ficou em prisão preventiva, é ainda indicado na nota.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados