Zelensky propõe "fórmula ucraniana para a paz" no "G19", uma vez que não reconhece a Rússia como interlocutor

Jornalista na secção de Internacional da TVI desde Novembro de 2012. Trabalhou na tvi24.pt e na editoria Newsdesk da estação desde a abertura do canal. Esteve no jornal electrónico Portugal Diário de 2006 a 2009, depois de dois anos e meio no jornal Público, onde estagiou e foi jornalista nas secções Público.pt e Desporto. Em 2008, ganhou o primeiro prémio em Videojornalismo do Observatório de Ciberjornalismo da Universidade do Porto, com o repórter de imagem Paulo Sampaio. Frequentou o curso de Teologia na Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, entre 1996 e 1999. Em 2004, licenciou-se na mesma universidade em Comunicação Social e Cultural.



15 nov, 23:20

A guerra na Ucrânia tomou conta das discussões da cimeira do G20. Numa mensagem vídeo, o presidente Volodymyr Zelensky disse que só está disposto a negociar perante a retirada total das forças russas.

Já o ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia acusou Kiev de não aceitar conversações e o Ocidente de ter provocado o conflito.

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados